Pesquisar este blog

22 de abr de 2012

TRABALHAR EM CASA

Trabalhar em casa: um bom negócio

Numa metrópole como São Paulo, o trabalhador enfrenta horas de trânsito e um transporte público deficiente para chegar ao serviço. A angústia do atraso, o estresse do desconforto e até o risco de acidentes tornam a mobilidade urbana um desafio crescente. E na mesma proporção aumenta a quantidade de empresas que optam pelo trabalho a distância de olho nas vantagens dessa opção – para ambos os lados.
São 10 milhões de brasileiros exercendo suas profissões de maneira remota, segundo a Sociedade Brasileira de Teletrabalho e Teleatividade (Sobratt). O número pode ser maior e uma pesquisa até o fim do ano vai atualizá-lo. “Muitos profissionais já trabalham de casa algumas vezes por semana. Empregadores só não reconheciam a atividade por medo de processos trabalhistas”, diz Alvaro Mello, presidente da Sobratt e professor da Business School São Paulo. Nos Estados Unidos já são 26 milhões de pessoas a adotar o sistema.
A satisfação do funcionário e a consciência ambiental impulsionam o teletrabalho. O estudo “O trabalho flexível nas empresas”, da Business School São Paulo, sobre esse processo de transformação, indica que de 150 corporações 77% têm consciência de que o sistema contribui para a redução da poluição e 61% acreditam que ajuda na qualidade de vida das pessoas.
Satisfação
A Companhia do Metropolitano de São Paulo (Metrô) é uma das mais recentes empresas a testar o formato, com cinco empregados desde 1º de março atuando de casa. “É uma tendência global”, diz Alfredo Falchi, gerente de recursos humanos do Metrô. O projeto-piloto vai durar seis meses. Qual foi o primeiro resultado do programa? “Os funcionários estão mais felizes”, diz Falchi.
Há 36 anos na empresa, a analista de desenvolvimento e gestão Aparecida Aggio, a Cidinha, de 56 anos, logo se interessou quando o Metrô iniciou a triagem dos funcionários. “Minha vida pessoal melhorou e minha produtividade triplicou”, diz. “Em casa não disperso tanto.” Cidinha saía às 6 horas para deixar o carro no estacionamento da estação Sacomã e pegar o metrô até a estação São Bento, chegando à sede da empresa por volta de 7h30. Com o fim do expediente às 17h e mais uma ‘viagem’ de retorno, ela era sedentária. Hoje, acorda 6h30, caminha uma hora e começa o expediente às 8h45.
“Para mim, não era mais prioritário aumento de salário. Queria tempo”, diz. Mesmo sem pensar em dinheiro, Cidinha também está economizando R$ 150 de estacionamento e R$ 200 de combustível por mês. As sessões de fisioterapia para tratar dores crônicas caiu de uma vez por semana para a cada 15 dias.
Alvaro Mello diz que oferecer às pessoas a possibilidade de não sofrer no trânsito diário e flexibilidade para conciliar o lado pessoal também retém talentos. “Os jovens da nova geração não se preocupam com que horas eles vão trabalhar, mas se podem trabalhar de qualquer lugar.”
Vantagem para pequenas
Permitindo estrutura enxuta, o teletrabalho é uma opção interessante para micro e pequenas empresas. Os funcionários podem ser contratados para atuarem de suas casas, mesmo que o espaço necessite de adaptações e equipamentos adequados fornecidos pelo empregador. Não há gastos com vale-transporte e tíquete-refeição (que pode ser substituído por uma ajuda de custo para a compra de alimentos).
Quando resolveu abrir suas própria consultoria de RH, há dois anos, a empresária Sônia Bardelli já tinha em mente manter a equipe à distância. Suas cinco consultoras, responsáveis por triagem de currículos e pré-seleção por telefone, atuam de casa.
“Equipei o espaço delas com computador, internet, telefone e mobiliário. Economizo em alguns itens de infraestrutura, como luz e água. Em troca, ofereço bem-estar”, diz Sônia, que vê como vantagem também o fim das faltas e dos atrasos.
O teletrabalho, porém, não é para qualquer perfil. Disciplina e profundo conhecimento da função que exerce são fundamentais. Analisar se a pessoa apresenta risco de depressão também é importante já que a atividade exige certo isolamento do convívio social.
SUZANE G. FRUTUOSO



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

ATENÇÃO PARA OS NOVOS VALORES DE CONSULTA

ATENÇÃO PARA OS NOVOS VALORES DE CONSULTA NOVOS VALORES: FALO TUDO O QUE SAIR NO JOGO, BOM OU RUIM POR 80 REAIS. Com direito a 5 pergu...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google+ Badge